27 de fevereiro de 2017

Looks do Red Carpet | Óscares 2017

Ontem, decorreu, em Los Angeles, a 89ª cerimónia de entrega dos prémios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, mais conhecida como Óscares, que premeia os melhores atores, filmes e técnicos do ano.
O grande nomeado era La La Land, com 14 nomeações, e que arracadou 6 prémios, entre eles: melhor atriz principal, melhor realizador e melhor banda sonora. Moonlight, que estava nomeado para 8, recebeu 3, entre eles: melhor ator secundário e melhor filme.
A apresentação foi da responsabilidade do Jimmy Kimmel e acho que fez um trabalho excepcional! Sinceramente, já não gostava tanto da cerimónia desde que a Ellen apresentou. O monólogo, assim como todos os discursos e apresentações, tive uma conotação política muito grande, face ao desagrado com a administração Trump.

Mas, por aqui, o que interessa mesmo são os meus looks preferidos do red carpet e, antes de vos mostrar quais foram, vou apenas dizer que esperava melhor da Alicia Vikander e que não gostei nada do vestido da Dakota Johnson, aliás acho que o que ela levou à festa da Vanity Fair é muito mais bonito. Posto isto, vamos lá ver quais foram os meus favoritos da noite...

Os brancos, bejes e metalizados...
Priyanka Chopra em Ralph & Russo | Sofia Carson em Monique Lhuillier | Karlie Kloss em Stella McCartney | Chrissy Tiegen em Zuhair Murad 
Hailee Steinfeld em Ralph & Russo | Auli'i Cravalho em Rubin Singer | Felicity Jones em Dior | Isabelle Huppert em Armani Privé 

Emma Stone em Givenchy | Nicole Kidman em Armani Privé | Emma Roberts em Armani Privé vintage | Michelle Williams em Louis Vuitton 

Charlize Theron em Dior | Janelle Monae em Elie Saab | Halle Berry em Versace | Olivia Culpo em Marchesa
Os vermelhos...
Viola Davis em Armani Privé | Ginnifer Goodwin em Zuhair Murad
Os pretos...
Kate McKinnon em Narciso Rodriguez | Taraji P. Hensen em Alberta Ferretti | Kirsten Dunst em Dior | Brie Larson em Oscar de la Renta


O que acharam dos vencedores? Eu fiquei um bocadinho triste quando o Lin-Manuel Miranda não ganhou melhor canção original por Moana. E chorei com o discurso da Viola Davis e com o In Memorium.
Espero que tenham gostado. Qual foi o vosso look preferido?
Beijinhos e até à próxima.

14 de fevereiro de 2017

Looks do Red Carpet | Grammy Awards 2017

Como já referi no post de ontem, a noite de domingo (12/2) foi agitada no que às cerimónias de prémios diz respeito com BAFTAs em Londres e os Grammy em LA. Então, hoje venho mostrar-vos os meus looks preferidos do red carpet da cerimónia apresentada pelo hilariante James Corden (o monólogo dele foi tão maravilhoso que me lembrou Hamilton), e que reconhece os melhores do ano do ramo musical, os Grammy Awards.

Rihanna em Armani Privé

Lea Michele em Roberto Cavalli

Adele em Givenchy

Hillary Scott em Jenny Packham

Kat Graham

Carrie Underwood em Elie Madi

Demi Lovato em Julien Macdonald

Katherine McPhee em Tahi Nguyen

Jennifer Lopez em Ralph & Russo

Chrissy Teigen em Roberto Cavalli

Celine Dion em Zuhair Murad

Espero que tenham gostado. Qual foi o vosso look preferido?
Beijinhos e até à próxima.

13 de fevereiro de 2017

Looks do Red Carpet | BAFTA Awards 2017

A noite de ontem (12/2) foi movimentada ao nível de cerimónias de prémios, pois enquanto em LA se entregavam Grammys, em Londres entregavam-se BAFTAs. Portanto, hoje mostro-vos os meus looks preferidos do red carpet britânico e amanhã os do red carpet americano, okay?

Bryce Dallas Howard

Daisy Ridley em Roland Mouret

Ella Purnell em Miu Miu

Emily Blunt em Alexander McQueen

Emma Stone em Chanel

J.K. Rowling

Kate Middleton, Duquesa de Cambridge em Alexander McQueen

Meryl Streep em Givenchy

Michelle Williams em Louis Vuitton

Nicole Kidman em Armani Privé

Sophie Turner em Louis Vuitton

Tanya Burr

Viola Davis em Jenny Packham

Felicity Jones em Dior

Julia Stiles

Estes foram os meus looks preferidos, quais foram os vossos?
Beijinhos e até amanhã com o red carpet dos Grammy Awards.

1 de fevereiro de 2017

Os Meus Preferidos... Janeiro 2017

Olááá! O primeiro mês do ano já acabou, mas o segundo está agora a começar, portanto trago-vos o primeiro post de favoritos mensais do ano. Este tipo de conteúdo é algo que realmente pretendo fazer todos os meses, em vídeo ou em post, pois há sempre qualquer coisa que experimento ou que uso durante todo o mês e que quero partilhar com vocês.

Janeiro foi um mês frio e recheado de frequências e exames, ainda assim tive tempo para usar, abusar e amar várias coisas. Vamos ver quais?

Beleza

A vaselina da Primark é algo de que sempre ouvi falar bem, mas que nunca tinha experimentado. No ano passado comprei a Original e comecei a usar, mas só durante este mês é que a utilizei a sério, pois graças ao frio (e a dois herpes) os meus lábios entraram em rotura. Felizmente foram salvos por este pequeno produto (nem a geleia real estava a fazer efeito).

Moda

Mostrei-vos este lenço manta, também da Primark, no post com os meus presentes de aniversário e desde que o recebi não paro de o utilizar. Sem brincadeira, 90% dos meus outfits este mês incluíram este acessório super simples mas bastante quentinho.

Livro

Durante o mês tive oportunidade para terminar o mais recente livro da saga Harry Potter (Fantastic Beasts não conta, certo?), Harry Potter and The Cursed Child, mas não vou dizer muito sobre ele porque a minha review vai ser publicada em breve. Mas ficam já a saber que gostei bastante da história.

Filme

Finalmente vi o filme The Intern! Juro que estava na minha watchlist de filmes desde que o trailer foi publicado, mas devido a algo misterioso ainda não tinha tido oportunidade de o ver. Para quem não conhece, a história gira à volta da Jules Ostin (Anne Hathaway), a fundadora e CEO de uma empresa de comércio de moda na Internet, que se compromete com um programa de sensibilização da comunidade, no qual se procuram estagiários idosos e para o qual Ben Whittaker (Robert De Niro) de voluntariou. Ben tem com função ser o estagiário pessoal da Jules e, apesar de no início a relação entre eles não ser das melhores, ela percebe que com ele a vida dela fica mais fácil e descomplicada. Simplesmente adorei o filme e espero vê-lo muitas mais vezes, pois acho que vai ser daqueles que nunca me vou cansar de ver.

Música

Bem, depois de ficar viciada em Hamilton decidi que iria ouvir tudo o que o Lin-Manuel Miranda já escreveu/produziu e foi assim que cheguei à banda sonora de In The Heights, no Spotify. Eu já sabia que este tinha sido o musical que o tornou famoso, mas não sabia que as músicas eram tão boas e divertidas. Como misturam espanhol e inglês, acho um bocadinho confuso quando estou a cantar, mas a história que contam é muito boa e lembra-me sempre um pouco de West Side Story.
Ainda na vibe do Lin-Manuel e de Hamilton, ouvi muito a The Hamilton Mixtape. Este é um álbum que reúne covers, originais, adaptações e músicas que não estão na versão final do musical, tudo isto com vozes de artistas bem conhecidos como Kelly Clarkson, Usher, Sia, The Roots, Jimmy Fallon, Alicia Keys, Regina Spektor, John Legend, entre muitos outros. Eu encaro este como um álbum completamente diferente da banda sonora, pois apesar de fazer referência a alguns personagens não tem uma linha temporal definida, como a peça de teatro, ou seja, pode fazer com que mais pessoas cheguem a este mundo fantástico que é Hamilton: An American Musical (vídeo sobre o assunto aqui).
Por fim, não podia deixar de referir a música Castle on the Hill, do Ed Sheeran, que é a minha preferida das duas lançadas durante o mês e que pertencem ao seu mais recente trabalho, ÷. Adoro o ritmo e a história contada através da letra e adoro o video. Aliás, este é tudo o que imaginei enquanto ouvia a música e muito mais. 

Séries

Não fazendo ideia do porquê ainda não tinha visto a primeira parte da sétima (e última) temporada de Pretty Little Liars, e agora que a vi não estou desiludida. Pelo contrário, estou ainda com mais vontade de saber, finalmente, quem é a A.D.. Nesta primeira parte um dos meus casais preferidos reuniu-se finalmente (#Haleb4Ever) e o outro está em estado crítico por razões diferentes, causadas pela mesma entidade (#Spoby4Ever). O regresso da Mona foi algo que adorei ver e em especial as cenas dela com o Caleb, que me faziam sempre rir. Agora é esperar para ver o que a segunda parte reserva, mas não sei se aguento de ansiedade. 
A terceira temporada de The Odd Couple foi o que me permitiu sobreviver à época de frequências de exames, mantendo a minha sanidade mental e por isso merece e muito constar desta lista. Esta é uma sitcom protagonizada pelo Matthew Perry (o Chandler de Friends) e pelo Thomas Lennon, nos papéis de Oscar e Felix, respectivamente. É muito divertida e leve e só tem três temporadas com 13 episódios cada, por isso vê-se num instante. Ainda agora a terceira terminou e já estou ansiosa para que a quarta temporada comece.

Estes foram os meus favoritos do primeiro mês do ano. Quais foram os vossos? 
Beijinhos e até à próxima.