30 de novembro de 2016

Tag | Séries


Depois de vos dizer que era viciada em séries num vídeo anterior, pensei que seria bom responder a uma tag sobre o assunto e encontrei esta. São apenas oito perguntas que eu adaptei ligeiramente porque o site onde as encontrei é brasileiro. E sim, o vídeo não foi gravado recentemente (ainda tinha aparelho quando o gravei), mas tinha-o aqui guardado para publicar quando não tivesse mais nada preparado. Esse dia é hoje!



Perguntas:
1. Qual é a tua série favorita de todos os tempos?
2. Qual é o teu personagem preferido de todos os tempos?
3. Cita uma série que te viciou.
4. Cita um personagem que tem algo em comum contigo.
5. Cita uma série de que toda a gente gosta (ou gostou) e tu não.
6. Qual é a tua série preferida dos últimos tempos?
7. Cita um protagonista de que não gostas mas gostas da série.
8. Vês ou vias alguma série portuguesa/brasileira?

Responder a isto não foi nada fácil e enquanto editava o vídeo vieram-me à cabeça muitas mais respostas possíveis para cada pergunta por isso talvez daqui a uns tempos faça uma versão actualizada da mesma. Se quiserem responder às perguntas, eu vou adorar ler as vossas respostas, quer as deixem nos comentários ou no vosso blog.
Beijinhos e até à próxima.

28 de novembro de 2016

ATENÇÃO | A NYX está em Coimbra!!!



Não, não me enganei a escrever o título. A NYX está mesmo em Coimbra! Até ao dia 24 de dezembro podem encontrar a marca num pequeno espaço, tipo pop-up store, no Forum Coimbra

O espaço é reduzido, logo não vão lá à espera de encontrar uma variedade muito grande de produtos, mas o que há agradou-me bastante e a funcionária disse-me que iam tentar variar o stock de produtos. 

Soft Matte Lip Cream Vault

Entre todos os batons e paletas que estão lá, aquilo que mais me chamou à atenção foi o Calendário do Advento, que custa 42€ ou 43€ e a caixa com a toda a colecção dos batons Soft Matte Lip Cream, pelo menos acho que é toda a colecção, e que custa 64€ ou 65€. Considero ambos como óptimas prendas de Natal (podem oferecer que não me importo 😉)

Advent Calendar


Então é isso, a notícia está dada! Se vivem perto de Coimbra e estavam desejosas por conhecer esta marca aproveitem e passem no Forum. As alternativas são as lojas no Forum Almada e no Parque Crescente no Porto. Esperemos que resolvam abrir uma no centro rapidamente (e nem precisam de mudar de centro comercial).

Espero que tenham gostado da novidade.
Beijinhos e até à próxima.

27 de novembro de 2016

Os Meus Preferidos... Setembro/Outubro/Novembro 2016 (Entertainment Edition)

Não sei como deixei acumular três meses de favoritos, mas hoje estou aqui para remediar a situação e falar-vos das coisas que mais gostei ao longo destes três meses. Surpreendentemente, não tenho nada de beleza, pelo que acho que esta pode ser considerada a edição de entretenimento. Vamos lá ver os meus favoritos?

Música:
Mão no Sonho, Lua Blanco

Gosto da Lua desde que ela protagonizou Rebelde Brasil no papel da Roberta (saudades de DiRo, ToCar, PeLice, Murilo e Maria, Binho e Pilar, etc), ou seja, à muito tempo. Agora, depois de tanto tempo à espera, ela finalmente lançou um álbum a solo e estou apaixonada. As minhas músicas preferidas são Perde Tudo, Tanto e O Mundo Todo.

It's Quiet Uptown, Kelly Clarkson, Satisfied, Sia e Wait for It, Usher

Que adoro Hamilton não é novidade nenhuma para ninguém, certo? Aliás, aguardem vídeo sobre o tema porque sairá em breve (só tenho que editar as duas horas de filmagem e fica tudo bem). Por isso quando o Lin-Manuel anunciou que ia ser lançado uma mixtape do álbum original, eu fiquei louca na Internet à procura de músicas e já há seis disponíveis (a data de lançamento é 2/Dez, falta pouco!!!). As músicas ficaram fantásticas e os intérpretes escolhidos são perfeitos, mas as músicas It's Quiet Uptown, Satisfied e Wait for It são especialmente amadas por mim, porque são das minhas preferidas da banda sonora e são interpretadas de uma forma que me deixa a suspirar. Procurem no Spotify e vão ver se não tenho razão.

1977, Luan Santana

Termino os favoritos musicais com o meu cantor brasileiro favorito, Luanzinho que lançou um novo álbum que me viciou completamente. Este trabalho é dedicado às mulheres e meio que conta uma história. Na gravação (ao vivo) conta com a participação de algumas das melhores cantoras do Brasil, desde Ivete a Anitta passando pela Camila Queiroz e pela Ana Carolina. Adoro todo o álbum mas as músicas Estaca Zero, Acordando o Prédio, Amor de Interior e Dia, Hora e Lugar são as minhas favoritas.

Filmes:

Durante estes meses vi vários filmes que poderiam estar nesta lista (saga X-Men!), mas os meus preferidos são os últimos que vi, Trolls e Fantastic Beasts and Where to Find Them. O primeiro é de animação e o segundo é uma nova abordagem ao universo maravilhoso criado pela J. K. Rowling.  Não vou falar muito mais sobre eles mas fiz review neste post.

Jogo:

Best Fiends ganhou o meu coração! A sério, demorei a entrar na febre mas agora que entrei não consigo sair. Este é um jogo que ficou famoso no ano passado e tem como objectivo ajudar uns bichos adoráveis a lutar contra lesmas, juntando as folhas, flores ou cogumelos que vão dar energia aos bichinhos (péssima descrição mas vai ficar assim mesmo, porque não consigo fazer melhor). Para entenderem o vício, nas primeiras horas que o jogo esteve no meu telemóvel passei 24 níveis (só não passei mais porque existem aulas). 

Momento:
• Tirei o aparelho!!! Não sei como é que ainda não o tinha referido aqui, mas foi das melhores coisas que me aconteceram em setembro. No primeiro dia foi esquisito ver-me sem ele e não o sentir mas depois foi só felicidade mesmo, por não ter que me preocupar mais se tinha comida entalada no arame ou não.

Espero que tenham gostado. Quais são os vossos favoritos do momento? Algum em comum comigo?
Beijinhos e até à próxima.

26 de novembro de 2016

ACMA | Jogos que Marcaram a Minha Infância



Estou muito feliz por, este mês, ser uma das bloggers convidadas do projeto ACMA e, não sei se já perceberam mas o tema deste mês é Infância, então resolvi falar-vos dos jogos que me marcaram e que gosto de jogar até hoje. Não vou falar de jogos como a Macaca, O Rei Manda, do Peão, de Berlindes, etc, mas sim de jogos de tabuleiro que eu adoro e que agradam a toda a família.

Bem, sei que a forma como se brinca hoje em dia, é diferente da forma como eu brincava quando era mais nova. Actualmente, é quase impossível não ver uma criança com um tablet, um smartphone ou uma consola na mão para se entreter, enquanto eu andava com bonecas (ou livros) para todo o lado. Em casa, sempre gostei de jogar jogos de tabuleiro e os meus favoritos eram Monopoly, 4 em Linha, Trivial Pursuit, Quem é Quem? e Uno (sim, eu considero Uno como jogo de tabuleiro). Não sei porquê nunca gostei muito de Batalha Naval e agora ando a jogar Risk com o meu irmão e adoro (só tenho pena de perder sempre 😢)

Este tipo de jogos envolve bastante estratégia e raciocínio mental (à exceção do Trivial Pursuit, que envolve mais conhecimentos de cultura geral), importantes para o desenvolvimento de uma criança e ainda contribuem para reunir a família à volta de algo mais que a televisão.

Não vou falar muito sobre eles porque acredito que todos os conheçam bem. Afinal de contas, Monopoly é o jogo de investimento em imobiliário mais famoso do mundo, eu tenho o Júnior e o Clássico mas adorava ter o das Marcas, Edição Mundial, Millionaire, Game of Thrones, e muitas outras edições, é o meu preferido de todos.  O Trivial Pursuit é aquele que põe à prova os conhecimentos dos jogadores em diversas categorias, sejam elas relevantes ou não e o Uno é um dos jogos que não faltam nas férias de verão, quando não se tem nada para fazer na praia, pois cabe em qualquer canto da mala e ninguém o deixa para trás. O 4 em Linha foi provavelmente o primeiro que joguei e aquele que me distraía mais enquanto jogava, porque ficava a ver os padrões de cor que se formavam em vez de focar no objetivo do jogo e o Quem é Quem? era o que achava mais engraçado, por se ter que descobrir a pessoa que o nosso adversário escolheu.

Espero que tenham gostado de ficar a conhecer os jogos que me marcaram quando era mais nova. Todos eles contribuíram para aquilo que sou hoje e, acho que nunca os vou parar de jogar. Quais foram os que marcaram a vossa infância? Algum em comum comigo? Deixem as respostas nos comentários.

Se também gostavam de participar neste projeto, mandem um mail para corsemfim@gmail.com. Qualquer pessoa pode participar e não têm de o fazer todos os meses, além de que traz variabilidade à blogosfera, pois aqui não se fala do mundo da moda e beleza, mas sim de cultura.

Podem consultar os restantes posts deste projeto, na lista de blogs abaixo:
Anda Daí! - http://asofiaduar.blogspot.pt/
The Eyes Of A Mermaid - https://theeyesofamermaid.blogspot.pt/

Convidados: 
Nerdy Chill Out http://nerdychillout.blogspot.pt/ 
Gaming Gear -  http://blog.gaminggear.pt 
Trovoada dos Sonhos https://trovoadasonhos.blogspot.pt/ 
Where I Belong http://wherebelong.blogspot.pt/ 

Beijinhos e até à próxima.

23 de novembro de 2016

Filmes | Trolls & Fantastic Beasts and Where to Find Them



Recentemente tive oportunidade de ir duas vezes ao cinema ver filmes para os quais tinha grandes expectativas, e hoje venho falar-vos do que achei de cada um. 3, 2, 1. Começa!

Trolls
IMDb: 6,7/10


Trolls foi o primeiro que vi, com a minha família, na versão portuguesa. Agora, tendo eu visto todos os trailers e tv spots em inglês, estava reticente quanto à forma como a dobragem iria afectar as músicas, mas não podia ter ficado mais satisfeita com o resultado e com a interpretação do David Carreira e da Mia Rose e dos restante atores portugueses. Mas ainda quero ver em inglês, porque adoro o Justin Timberlake, a Anna Kendrick, o James Corden, etc.

Se não sabem sobre o que é o filme, eu conto! Basicamente conta a aventurosa história que a Poppy, a princesa dos trolls e o Branch, o troll mais pessimista e paranóico em relação ao Bergen (inimigo dos trolls) que vive na aldeia, passam quando vão resgatar os amigos das mãos dos Bergen, que acreditam que só conseguem atingir a felicidade verdadeira se comerem trolls. E desta vez, infelizmente para a Poppy, este é um problema que não se pode resolver com uma canção ou um abraço. Juntos vão ajudar os Bergen a encontrar a felicidade, resgatar os amigos e descobrir que têm mais em comum do que pensam.

Como já repararam adorei o filme e juro que até dancei na cadeira da sala de cinema, perante o olhar reprovador e surpreendido do meu pai. Sem dúvida que este é um filme de animação para todas as faixas etárias e não apenas para as crianças. 

Fantastic Beasts and Where to Find Them
IMDb: 8,0/10


Okay, já era esperado que adorasse este! Sou Potterhead e adoro o trabalho da J.K. Rowling e do Eddie Redmeyne (desde Les Miserábles que tenho uma crush nele 😍) mas sendo este o ínicio de uma nova série de filmes (aparentemente vão ser cinco) não sabia bem o que esperar.

Então, o filme passa-se em Nova Iorque em 1926 (70 anos antes de HP) e é focado em Newt Scamander, que quando chega ao solo americano deixa acidentalmente que alguns animais escapem da sua mala, causando alguns problemas ao MACUSA (Magical Congress of the United States of America), que tem muito cuidado para que os No-Mag (equivalente a Muggle) não se apercebam da existência da magia e dos feiticeiros. O Newt interessa-se por animais fantásticos, estuda-os e protege-os até os poder libertar no seu habitat natural e está a escrever o livro que dá nome ao filme, para que todos possam compreender melhor estas criaturas.

Vi o filme em 2D mas adorava ter visto em 3D, pois acho que a experiência teria sido muito melhor. Mesmo assim adorei e já estou pronta para o voltar a ver (e para ler o livro). Os efeitos estão fantásticos, os animais são adoráveis e as personagens muito bem interpretadas. Gostei especialmente do Newt (óbvio) e do Jacob Kowalski, e da forma como a Tina Goldstein luta por aquilo que quer. Envolvi-me tanto na história e com os personagens que passei os últimos minutos do filme a chorar (no bom sentido) e até em casa chorei ao relembrar-me das cenas. Acham que está aprovado ou aprovadíssimo por mim?

Espero que tenham gostado. Os filmes que mais quero ver a seguir são Doctor Strange, Moana e Rogue One - A Star Wars Story. E vocês, já viram algum destes filmes? Se sim, o que acharam? Querem mais reviews de filmes aqui no blog?
Beijinhos e até à próxima

20 de novembro de 2016

#12meses12coisas | 12 posts que gostei de ler (11)



Estou de volta com o penúltimo post dedicado a esta série e nele vou mostrar-vos doze dos posts que mais gostei de ler e que por esse motivo estavam guardados na barra de marcadores à espera do seu momento de glória. Dei o meu melhor para não incluir apenas posts da Lily e para que não fossem todos em inglês também.

1. Starting My Bullet Journal, Lily Pebbles


Espero que tenham gostado. Quais foram os posts que mais gostaram de ler?
Beijinhos e até à próxima.


16 de novembro de 2016

Livro | Finding Audrey (Onde estás, Audrey?)



Hoje venho falar-vos do primeiro livro juvenil (Young Adult) da Sophie Kinsella, que foi publicado em Junho de 2015 e que adquiri no aeroporto quando voltei de Londres (facto que algumas de vocês já devem saber, se não sabiam, podem ler os diários de viagem aqui). Agora, porque demorei tanto para vos vir falar dele? Não faço ideia, mas deve de estar relacionado com a minha tendência para adiar tudo e mais alguma coisa (e por me distrair facilmente).

Capa e contra-capa


Quando o comprei não existia a versão portuguesa, porque ele tinha sido lançado exactamente nesse mês, mas agora já há! Em Portugal, chama-se Onde estás, Audrey? (não entendo porque traduziram assim) e foi editado pela Porto Editora. A capa é basicamente igual mas tem cores diferentes, mais voltadas para o laranja e amarelo (se não me engano). Vamos lá ver o que achei?

A Audrey é uma adolescente que passou a sofrer de um Distúrbio de Ansiedade Social, após ser vítima de bullying na escola, o que a tornou uma prisioneira na própria casa. Ou seja, ela afastou-se de tudo e todos, excepto da família, começou a utilizar óculos escuros em todo o lado e também passou a consultar uma psicóloga. Esta era a vida dela até o Linus, que é amigo do irmão dela Frank, entrar na vida dela e começar a incentivá-la a sair de novo, pelo menos até ao Starbucks mais próximo, de uma forma bastante criativa. Assim, a Audrey começa a acreditar que, com o Linus ao lado dela, consegue fazer coisas que até então a assustavam e sente que poderá voltar ao mundo real mais depressa do que imaginava.

Excerto do filme dela

Forma de comunicação entre o Linus e a Audrey: notas


Esta é uma história sobre recuperação. É um pouco triste, mas também é divertida e romântica (eu adorei a família dela!). Com a Audrey aprendi que mesmo quando sentes que te perdeste de ti própria, o amor pode encontrar-te e trazer-te de volta. Esta é uma personagem forte, encantadora e criativa que me inspirou bastante. Espero que ela vos inspire também. A única coisa de que senti falta no livro foi de uma explicação maior sobre o bullying e de como isso desencadeou o distúrbio de ansiedade social dela. De resto, achei que estava bastante completo e interessante.

Eu adoro falar sobre livros, por isso vou tentar trazer-vos reviews mais regularmente (só tenho que arranjar tempo para ler). Ficaram interessadas em ler este? Já leram algum livro desta autora?
Beijinhos e até à próxima.

13 de novembro de 2016

Ainda não conhecem a Ba La La? Venham conhecer!

Hoje venho falar-vos da Ba La La (@ba.la.labiju), uma loja de bijutaria, especialmente chokers, do Instagram. A loja pertence a uma amiga/colega minha e, sou suspeita para falar, mas os artigos são lindos. Vejam lá que até eu que não gosto muito de chokers comprei um e adoro-o.


Ela faz chokers, pulseiras, colares, e, recentemente, começou a fazer porta chaves. Tudo isto à mão e com a combinação que a pessoa quiser. Agora, como uma imagem vale mais que mil palavras vou mostrar-vos algumas das combinações que ela faz.

Uma foto publicada por Bä Lå Lå (@ba.la.labiju) a
Como podem ver, na última foto, este foi o choker que escolhi por ser mais discreto e delicado.

Espero que tenham gostado. Se ficaram interessadas em alguma coisa, contactem-na e vão ver que não se vão arrepender.
Beijinhos e até à próxima.

9 de novembro de 2016

MocaTalksAbout... Eleição Presidencial Americana #ImwithHer #Michelle2020

Olá a todos e sejam bem vindos a mais um post desta rubrica! Antes de começar a desabafar e a dar a minha opinião, quero referir que não entendo o sistema eleitoral americano (apesar de já ter pesquisado sobre o assunto) e, os meus conhecimentos políticos, no geral, são escassos. Tendo dito isto, vamos lá começar!

Comecei por acompanhar o processo eleitoral, porque vejo bastantes talk shows americanos e este era o tema de praticamente todos os monólogos iniciais e desde o início me assustou o facto de o então candidato republicano Donald Trump estar a conquistar apoiantes. Também percebi rapidamente que se estivesse lá e pudesse votar, a democrata Hilary Clinton teria o meu voto, porque era a pessoa com quem eu mais me identificava na corrida e porque acho que estava na hora de ser eleita uma mulher para presidente. 

O mundo está a mudar! Temos ataques terroristas todos os dias, refugiados de guerra em todo lado, tivemos o Brexit em Junho e agora isto, a eleição de Donald Trump para um dos cargos mais importantes do mundo, senão mesmo o mais importante. 

Acredito que a sociedade americana esteja desesperada, pois só isso justifica terem eleito um candidato sem experiência política, que incentiva a violência, que acredita que o aquecimento global é algo inventado pelos chineses, que desrespeita e abusa de mulheres, que é homófobo, xenófobo, e quer construir um muro na fronteira com o México e fazer os mexicanos pagar por ele (palavras dele), entre muitas outras coisas que se tornaram virais ao longo desde ano e meio de campanha. Donald Trump, a pessoa que nem o seu próprio Twitter consegue controlar (o pessoal da campanha dele retirou-lhe o acesso à aplicação no fim-de-semana antes das eleições, porque ele só estava a piorar a situação), esperam que ele saiba controlar o acesso a algo tão importante, como os códigos nucleares? Eu tenho sérias dúvidas quanto a isso! 

A Hilary Clinton é uma mulher com experiência política, que conhece o nível de exigência associado ao cargo, foi Primeira-Dama, Secretária de Estado e acho que também foi Senadora. Ela tinha tudo para ser uma boa Presidente, mas o FBI tinha de estragar tudo ao trazer o escândalo dos e-mails (que tinha ficado resolvido no verão) outra vez aos media, a uma semana da eleição. Para depois a dois dias da eleição dizer o que toda a gente já sabia, não havia nada de relevante naqueles e-mails. Esta foi a semana crítica em que tudo mudou e que levou ao resultado que agora conhecemos.

Donald Trump passou as últimas semanas a dizer que esta eleição estava manipulada para que a Hilary ganhasse e que, caso perdesse, não aceitava o resultado. O que é que ele tem a dizer agora?

Sinceramente, espero que daqui a quatro anos se possa dizer que ele foi um bom Presidente (ou pelo menos razoável), porque neste momento eu só estou a ver o enorme erro que a América cometeu ao elegê-lo para o cargo. Isso, e o George Washington às voltas no túmulo e a pensar que não foi para isto que lutou pela independência contra Inglaterra.

Qual é a vossa opinião quanto a este assunto? Eu ainda tinha mais para escrever mas resolvi ficar por aqui.
Beijinhos e até à próxima.

P.S.: Se leram tudo até ao fim, obrigada! Eram muitas palavras juntas!

2 de novembro de 2016

Comprinhas | Stradivarius, Primark, Essence, Lancôme



Bem vindos a mais um vídeo de compras no canal! Claramente preciso de começar a variar o tema dos vídeos, mas é tão mais fácil mostrar-vos o que comprei em vídeo do que por escrito que não consigo resistir.

Esta é uma compilação das compras que fiz ao longo dos meses de setembro e outubro. Abaixo estão os links dos itens que consegui encontrar, para o caso de terem ficado interessados em alguma coisa. Brevemente farei também reviews dos produtos de maquilhagem e do livro, por enquanto podem ver swatches dos mesmos na fotografia abaixo.



- Botins Salto Stradivarius aqui
- Coffet Hypnose Lancôme aqui
- Sébium Global Bioderma aqui
- Matt Matt Matt Longlasting Lipgloss Essence aqui
- Lápis Kajal Essence aqui
- Lip Liner Essence aqui
- Corretor Re-Touch Light Reflecting Catrice aqui
- Livro Harry Potter and The Cursed Child aqui

Swatches




Espero que tenham gostado. Já compraram ou experimentaram alguma das coisas que comprei?
Beijinhos e até à próxima.