24 de julho de 2016

MocaReviews... The Color Workshop All Eyes On Me Palette



Hoje venho falar-vos da minha recente compra de maquilhagem, a paleta de sombras mate da The Color Workshop, All Eyes on Me. Resolvi adquiri-la porque a minha prima tem uma e vi que as cores eram muito bonitas e versáteis e porque percebi que na blogosfera existiam mais pessoas a comprá-la e a gostar, como a Paula



A paleta tem 12 cores neutras (branco, rosados, castanhos e preto) e vem com dois mini pincéis, que apenas irei utilizar em situações de emergência. Em relação à qualidade-preço, não posso falar muito, porque apenas experimentei algumas cores, mas acho que a pigmentação é boa e que as cores se esfumam bem, só é preciso ter alguma atenção porque também as achei um pouco poeirentas.




Pode ser adquirida nas lojas Continente e tem o valor de 10€, eu tive sorte e no dia em que comprei estava em promoção, por isso ficou-me por 5€. Se estiverem interessadas mantenham o olho nela e aproveitem quando estiver em promoção.

Já experimentaram ou querem experimentar esta paleta? Quais são as paletas de preço mais acessível que mais gostam? Deixem as vossas opiniões nos comentários.
Beijinhos e até à próxima.

22 de julho de 2016

Livro: Bonita Todos os Dias



Hoje venho falar-vos do livro da Victoria Ceridono, uma blogger/youtuber/jornalista brasileira, editora de beleza da Vogue Brasil. No Brasil, o livro tem o mesmo título do blog, Dia de Beauté, mas em Portugal resolveram mudar e, sinceramente, não gostei do novo título.

Este é um livro de maquilhagem recheado com dicas e tutoriais práticos para aplicar nas várias ocasiões do nosso dia-a-dia, mas o que realmente me impressionou foram as fotografias, ilustrações e a parte gráfica do livro, que considero ter sido muito bem conseguida e dar um toque fofo ao livro (todas as fotos do livro foram tiradas em casa dela/da mãe). Para não vos chatear com frases que dizem sempre o mesmo preferi fotografar o interior do livro para vos mostrar o que quero dizer.










Conheciam este livro? Têm ou pretendem comprar algum livro deste género? Estejam à vontade para me deixar sugestões, apesar de já ter alguns debaixo de olho.
Beijinhos e até à próxima.

20 de julho de 2016

Séries Que Estou a Adorar Ver #3

Cá estou eu outra vez para vos falar de mais algumas séries que adoro e que entre sim não têm quase nada em comum.

The Odd Couple
IMDb: 6,4/10
Matthew Perry e Thomas Lennon juntos no pequeno ecrã tem tudo para ser um sucesso. The Odd Couple é uma série de comédia, que nos mostra o dia-a-dia do Felix Unger (Lennon) e do Oscar Madison (Perry), como colegas de casa. O Felix é um jornalista e fotógrafo neurótico e controlador, e o Oscar é o apresentador de um programa de rádio desportivo bastante relaxado e que não quer saber de nada, o que faz com que se complementem. Os dois, que se conheceram na universidade, juntam-se agora depois dos seus respetivos casamentos terem resultado em divórcio.
Esta é uma série muito leve e divertida, mas também pouco conhecida e vai já para a sua terceira temporada.

The Shannara Chronicles
IMDb: 7,6/10


Tenho uma relação de amor/ódio com o protagonista Austin Butler mas como toda a gente me dizia que a história era boa resolvi dar-lhe uma hipótese. O resultado foi que fiquei viciada e que estou ansiosamente à espera da segunda temporada.
A história decorre num futuro bastante distante, no qual não existe tecnologia e a prática de magia ressurgiu no mundo e desapareceu. No topo da sociedade estão os Elfos e os Humanos são considerados uma sub-espécie. Depois de centenas de anos de paz e calma no mundo, um exército de demónios ameaça escapar da prisão (chamada de The Forbidding), através da morte da árvore que os tranca lá, o Ellcrys. Para salvar as Four Lands e o Ellcrys, a Amberle, princesa elfa, o Will, híbrido de elfo e humano e a Eretria, humana, terão que se juntar e viajar por todo o território, com a ajuda do último druida, Allanon.

Hart of Dixie
IMDb: 7,8/10


Finalmente comecei a ver Hart of Dixie! E digo finalmente porque já a queria ver desde que estreou, agora, cinco anos depois, estou prestes a terminar a primeira temporada e ansiosa por começar a segunda.
A série gira em torno da Zoe Hart (Rachel Bilson) e da sua mudança de Nova Iorque para Bluebell, Alabama, depois do seu sonho de se tornar cirurgiã cardíaca desmoronar e ela resolver aceitar a oferta de um médico que conhece no dia da sua graduação, Dr. Harley Wilkes, que depois descobre ser o seu pai biológico.
Adoro a relação que ela tem com o Wade (interesse amoroso) e com o Lavon (melhor amigo e presidente da câmara da cidade) e a personalidade da Lemon.

Espero que tenham gostado. Já conhecem ou vêem alguma destas séries. Têm sugestões para mim?
Beijinhos e até à próxima.

17 de julho de 2016

#12meses12coisas: 12 dicas sobre algo (7)



O tema deste mês é bastante versátil, porque me permite escolher entre dar dicas de um tema específico ou dar dicas random. O que acham que escolhi? Dicas random, claro, porque são mais fáceis de reunir e mais facilmente aplicáveis a mais pessoas.

Vamos lá começar com as dicas!

Dica 1: Usem protetor solar todos os dias (mesmo durante o Inverno) - a vossa pele agradece.

Dica 2: Não deixem para amanhã o que podem fazer hoje - é cliché mas é verdade.

Dica 3: Nunca comprem nada por impulso (especialmente durante os saldos), podem-se arrepender mais tarde.

Dica 4: Leiam pelo menos um livro (ou equivalente) durante o ano.

Dica 5: Vão de viagem? Enrolem a roupa na mala para poupar espaço.

Dica 6: Se não usam alguma peça de roupa à mais de um ano, está na hora de ela ter outro dono.

Dica 7: Mantenham o vosso espaço de trabalho limpo e organizado, faz-vos ficar mais concentrados e produtivos.

Dica 8: Não se deitem com o cabelo molhado ou apanhado de forma apertada, vão acabar por estragá-lo.

Dica 9: Precisam de poupar? Escolham um tipo de moeda para colocar de parte e façam-no sempre que a tiverem na carteira.

Dica 10: Pratiquem exercício físico regularmente, faz bem ao corpo e à mente.

Dica 11: Para o batom durar mais tempo, passem o lápis de lábios que usam para os delinear em todo o lábio e depois o batom por cima.

Dica 12: Aproveitem o tempo que têm disponível para o passarem com a família e os amigos.

Gostaram das dicas? Fico à espera das vossas nos comentários.
Beijinhos e até à próxima.


13 de julho de 2016

Séries Que Estou a Adorar Ver #2

Acho que já deixei bem claro aqui no blog que ADORO ver séries, na verdade, sou VI-CI-A-DA (chega de caps lock, certo?) e portanto estou sempre atenta a novos pilots e ao aparecimento de novas séries. 
Hoje venho falar-vos de três que eu simplesmente adoro e que fazem parte das minhas preferidas. 

The 100
IMDb: 7,8/10
Baseada na série de livros com o mesmo nome, de Kass Morgan, e transmitida pelo The CW, conta já com três temporadas (ainda não tive oportunidade de assistir à última mas ouvi dizer que está fantástica). O presente da série decorre 97 anos depois de uma guerra nuclear que quase acabou com a vida na Terra, obrigando os sobreviventes a morar na Arca (conjunto de várias estações espaciais). Esta começa a ter problemas nos sistemas de suporte de vida e obriga o governo a enviar os 100 jovens presos para a Terra para avaliarem se é seguro voltar ao planeta. Com o tempo, os jovens vão percebendo que nem toda a humanidade foi extreminada, e que existem os Grounders, os Reapers e os Mountain Men, com os quais vão ter alguns problemas que terão de resolver sozinhos e lidar com as consequências, o que nem sempre é fácil. Adoro a Claire, a Octavia e o Bellamy e a relação da Claire e do Bellamy.

The Royals
IMDb: 7,4/10
Criada por Mark Schwahn (o mesmo de One Tree Hill), este drama apresenta-nos uma família real britânica bastante contemporânea e controversa. A rainha e matriarca é a Helena, que faz o possível e o impossível para controlar todos os dramas familiares, de forma, por vezes duvidosa. Os seus filhos gémeos Liam e Eleanor (minha personagem preferida) são maioritariamente a fonte dos problemas porque sempre esperaram que fosse o irmão mais velho, Robert, a herdar o trono. Quando este morre, a vida familiar fica de pernas para o ar e o rei começa a ponderar o futuro da monarquia. O Príncipe Liam passa a ser o sucessor ao trono e vai ter alguma dificuldade em ajustar-se ao seu novo papel e a sua irmã chega ao fundo do poço quando descobre um segredo sobre o seu guarda costas (Alerta de melhor casal! A relação deles é muito maravilhosa e divertida). No meio de tudo isto e para preservar o seu estilo de vida e a família sob controlo, a rainha vai aliar-se ao irmão do rei, Cyrus, que sempre quis chegar ao trono e vê aqui a sua oportunidade.

Jane The Virgin
IMDb: 7,8/10






Esta é a série que parece uma novela, ou não fosse ela uma adaptação de uma novela venezuelana para o The CW. Tendo como cenário Miami, seguimos a vida da Jane Villanueva, uma jovem americo-venezuelana muito trabalhadora e religiosa, que tem como tradição familiar e voto guardar a sua virgindade até ao casamento. Tudo vai de acordo com o plano, até que uma médica a insemina artificialmente por engano durante uma consulta de rotina. Para piorar a situação, o pai biológico é um homem casado, que já foi muito mulherengo, que sobreviveu a um cancro, e, que é também o novo dono do hotel onde ela trabalha, mas também a sua paixão de adolescente. Acharam confuso? Eu também e nem descrevi metade da história. A partir deste ponto ela passa a ter que ultrapassar vários obstáculos para escolher entre o pai do bebé, Rafael e o seu namorado detective, Michael. Vou confessar que sou #TeamRafael até ao fim, apesar de o Michael ser muito querido, e que a minha personagem preferida é Rogelio de la Vega, o pai biológico da Jane e um ator de telenovelas muito famoso e que tem muita dificuldade em colocar-se no lugar dos outros (falo mais dele neste post). Ia-me esquecendo mas ainda a primeira temporada não tinha acabado e já a protagonista Gina Rodriguez tinha ganho o Globo de Ouro para Melhor Atriz de Série de Comédia, portanto a série não pode ser má, não é verdade?

Espero que tenham gostado. Acompanham ou pretendem acompanhar alguma destas séries? Têm alguma para me recomendar?
Beijinhos e até à próxima.

11 de julho de 2016

Parabéns PORTUGAL!!!!

Hoje (10/7) foi o dia de jogar a final do Campeonato Europeu de Futebol, no Stade de France, e foi finalmente o dia em que a seleção portuguesa ganhou este troféu.
Eu fui ver o jogo ao Estádio Dr. Magalhães Pessoa, em Leiria, e a energia era contagiante. Aliás, todos os jogos de Portugal foram projetados lá, mas eu sempre disse que apenas ia se chegássemos à final e assim foi.



Tenho perfeita noção que toda a gente viu o jogo pelo que não me vou alongar no assunto, e vou apenas referir pontos de que já falei no Snapchat (se não me seguem por lá, eu sou @mocacaseiro) e outros que não me lembrei na altura.
  1. A lesão do Ronaldo foi algo que me deixou muito triste (quase chorei), mesmo não gostando muito dele, porque eu sabia que ia afetar a equipa, só não sabia até que ponto. E admirei o facto de ele ter tentado ao máximo manter-se em campo e não desistir à primeira.
  2. Após a entrada do Quaresma, comecei logo a dizer que não ia ser suficiente e que iria ser o Éder a salvar o jogo, o que acabou por acontecer e ainda bem.
  3. Rui Patrício! O leiriense está, sem dúvida, de parabéns por todas as defesas que fez e, com ele, toda a defesa que foi fundamental em algumas delas.
  4. Raphael Guerreiro! Este jogador foi uma grande revelação, para mim. Não sabia quem ele era ou de onde vinha, mas dei por mim a gritar por ele de todas as vezes que tinha a bola nos pés. Nem sequer dei por falta do Coentrão, perante esta exibição fantástica.
  5. Espero que o facto de termos ganho sem o Ronaldo estar em campo, faça toda a gente perceber que a seleção não é só ele. Ele pode ser o capitão e ser quem dá mais a cara, mas depois é apenas um em 23 e são todos juntos, unidos como equipa, que são imbatíveis e fazem estas coisas fantásticas.
  6. Fernando! O senhor Engenheiro foi um selecionador como à algum tempo não tínhamos um e merece também um lugar neste post, porque sem ele não chegávamos onde chegámos.
  7. O Presidente da República vai condecorá-los com o grau mais elevado pela Ordem de Mérito e eu não podia estar mais de acordo. Estes 23 cavaleiros que lutaram por 11 milhões merecem todo o mérito que lhes possa ser dado.
Como o desporto português não vive só de futebol, apesar de às vezes se esquecerem disso. Vou referir também e desta forma dar os meus parabéns, aos atletas que conquistaram medalhas pelo nosso país no Campeonato Europeu de Atletismo, também este fim de semana, em Amesterdão.













  1. Sara Moreira e Jessica Augusto, 1º e 3º lugar, respetivamente - Meia Maratona Mulher
  2. Equipa Meia Maratona Mulher, 1º lugar
  3. Patrícia Mamona, 1º lugar - Triplo Salto Mulher
  4. Dulce Félix, 2º lugar - 10.000 metros Mulher
  5. Tsanko Arnaudov, 3º lugar - Arremesso de Peso Homens
Estão todos de PARABÉNS e o caneco é nosso, vemo-nos daqui a dois anos no Mundial. O que acharam deste europeu? Se acharem que me esqueci de referir algo importante, deixem nos comentários.
Beijinhos e até à próxima.